Livros didáticos usados, o que fazer com eles?

Eles são fundamentais por um período, mas depois se amontoam pelos cantos da casa ou acabam no lixo comum – pior destino possível. Mas o que fazer com os livros didáticos que não serão mais usados?

Livros didáticos usados, o que fazer com eles?
Especial,  Troca de Brinquedos
2 de fevereiro de 2016

Josiane Ribas, criadora da Freguesia do Livro – projeto que disponibiliza livros de literatura adulta e infantil para empréstimo em diversos pontos da cidade de Curitiba – vive todo início de ano um dilema, recebe uma enxurrada de livros didáticos usados. “O pior é que geralmente não encontramos quem queira receber esses livros”. Nesse início de ano, Jô resolveu pedir ajuda nas redes sociais. Como esse tema tem tudo a ver com trocas, tem também tudo a ver com Mãezíssima. Por isso transmitimos às perguntas a vocês pais:

  1. livros usados

    Livros didáticos são difíceis de encontrar destino.

    Você está preocupado com os livros didáticos que “sobram” de um ano para o outro?

  2. A escola do seu filho tem uma política de aproveitamento dos livros didáticos para as séries seguintes? Ou muda a lista de livros a cada ano?
  3.  Os livros de literatura indicados poderiam ser compartilhados com alunos daquela série no ano seguinte?
  4. O que você tem feito com os livros didáticos de seu filho?
  5.  Você estimula o capricho e a preservação dos livros pensando na possibilidade de outra criança usar o livro no ano seguinte?

Trocar e prolongar o uso

O ideal para os livros didáticos é o reaproveitamento máximo, fazendo o bom uso, ajudando seu filho a conservá-los e abusando das trocas, preferencialmente dentro da própria escola. Alguns livros didáticos perdem seu uso por atualização de conteúdo, esses sim devem ir para a reciclagem.

No facebook existe um grupo de troca de livros didáticos. Pode ser uma boa saída também. Aqui o link para a página. 

Mas é importante lembrar que, se a escola não tem uma política de reaproveitamento e trocas de livros didáticos, nós pais podemos levar o assunto para a coordenação. Afinal a melhor escola é aquela que os pais estão trabalhando junto com os professores pela educação dos filhos. Troca, reaproveitamento e cuidado dos materiais, são questões fundamentais hoje em dia.

Vamos pensar sobre isso juntos? Deixe sua sugestão, respostas e ideias nos comentários.

posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *