Mães unidas por mais compreensão no meio materno

E se em vez de diferenças víssemos o que nos une, o que nos torna mães? Independente de suas escolhas, Toda Mãe é Mãe!

Mães unidas por mais compreensão no meio materno
Criar e Educar,  Especial
14 de Maio de 2014

Quatorze mães toparam o desafio de mostrar que diferenças podem ser superadas e participaram da campanha Toda Mãe é Mãe, promovida pelo site Mãezíssima, Baby Boom, Evary Leal e Santo Atelier.

Eu cuido da saúde do meu filho. Mães:Milena Stahsefski e Barbara Gabbo. Foto: Evary Leal

Eu cuido da saúde do meu filho. Mães:Milena Stahsefski e Barbara Gabbo. Foto: Evary Leal

Em comum, todas essas mães já sentiram suas escolhas serem questionadas e julgadas. “Muitas vezes as pessoas querem defender sua opinião agredindo quem tem uma opinião diferente. Tem espaço para tudo, é preciso saber respeitar as escolhas”, fala Sabrina Ferraz que participou da foto Eu pari meu filho, ao lado da mãe Elizangela de Souza.  “Sofrer esse julgamento só agrava a insegurança que toda mãe já sente”, conta Estrela Ruiz que participou da foto Eu brinco com meu filho junto com Simara Ramos.

A ideia da campanha surgiu numa conversa da editora do Mãezíssima, Grace Barbosa, com a moderadora do grupo Baby Boom e editora do blog com o mesmo nome, Maria Claudia. “No grupo temos muitas realidades diferentes e por consequência escolhas diferentes. Ao mesmo tempo em que acontecem situações incríveis de solidariedade e apoio entre mães, também existem momentos de tensão. Os assuntos são sempre muito delicados porque envolvem um momento sensível da mãe”, conta.

Na foto Eu cuido da saúde do meu filho estão as mães Milena Stahsefski e Barbara Gabbo. Elas são amigas há vários anos, mas discordam sobre que tipo de remédio dar ao seu filho quando ele adoece. “Chegamos a conclusão que cada uma tem seu jeito e que não vai conseguir mudar a outra. Então não discutimos mais sobre isso. Conseguimos achar uma forma de lidar com nossas diferenças”, conta Milena.

Em um momento de tanta intolerância fomentada muitas vezes pelas redes sociais é hora de espalhar essa ideia: Toda Mãe é Mãe. Pelo fim das guerras maternas, buscando promover a tolerância e o respeito no ambiente materno.

Veja a galeria completa do Toda Mãe é Mãe

Grace Barbosa – editora do Mãezíssima

posts relacionados

Comments are closed.